Folhas de Carvalho e Espadas
da Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro
(Eichenlaub mit Schwertern zum Ritterkreuz des Eisernen Kreuzes)

Em 21 de Junho de 1941 - coincidentemente no dia anterior à invasão da União Soviética - Hitler introduziu como um novo incentivo as suas forças um grau mais elevado da Ordem da Cruz de Ferro, que seria conhecido como Folhas de Carvalho e Espadas da Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro.

Este novo item tinha um formato idêntico as Folhas de Carvalho, com exceção da adição de duas espadas de prata cruzadas logo abaixo do ramo de folhas. As espadas mediam 24mm de comprimento estando a da direita sobreposta à da esquerda e formando um ângulo de 40º.

O exemplar que era entregue ao soldado possuía as espadas soldadas à argola de suspensão separadamente com os detalhes das espadas também visíveis no seu verso. As cópias feitas para uso diário possuem os versos das espadas planos (sem detalhes).

Assim como a Eichenlaub, as Folhas de Carvalho e Espadas eram entregues em separado, cabendo ao usuário a substituição da antiga argola (que continha apenas as Folhas de Carvalho).

Um total de 160 Eichenlaub und Schwertern foram feitas até 1945, das quais apenas uma foi entregue a estrangeiro e 54 para a Luftwaffe. O primeiro agraciado com a condecoração foi o então Oberstleutnaut Adolf Galland, em 21.06.1941.

O documento era apresentado no interior de um estojo branco cuja frente aparecia, além da águia, ornamentos folhados a ouro em toda sua lateral. Todos os documentos e condecorações foram, respectivamente, assinados e entregues por Adolf Hitler.






Folhas de Carvalho e Espadas do Generalfeldmarschall Erich von Manstein. Folhas de Carvalho e Espadas do Oberst Werner Mölders. Folhas de Carvalho e Espadas do Maj. Günther Rall. Folhas de Carvalho e Espadas do Oblt. Otto Kittel.



História da Cruz de Ferro.
Diamantes da Cruz de Cavaleiro